Notícias



Hospital tem área interditada após descarte irregular de resíduos


Após a publicação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, em 2010, prefeituras em todo o país pararam de coletar os resíduos de serviços de saúde. Enquanto hospitais não se adaptam à nova realidade, descartes irregulares são flagrados, como esse relatado no jorna Tribuna Hoje, de Maceió: 


O Hospital do Açúcar foi flagrado novamente realizando o descarte de lixo comum misturado com resíduo hospitalar, durante uma fiscalização da Secretaria de Limpeza Urbana de Maceió (Slum), na manhã de 19/02/2016.  A fiscalização chegou até a unidade após uma denúncia relatando a prática irregular e a contaminação de todo o lixo, que seria levado para o aterro sanitário. O coordenador de Fiscalização da Slum, Carlos Tavares, confirmou que essa é terceira vez que o hospital é flagrado com a mesma irregularidade.


Entre o lixo comum, os agentes encontram roupas com sangue, seringas e outros itens contaminados no depósito de separação. Segundo Tavares, o material estava descendo dos departamentos já misturado.   A multa, conforme o coordenador da Slum, é calculada de acordo com os artigos infringidos na legislação.  A Slum já flagrou a mesma situação no Hospital Unimed e no Hospital Universitário.


Devido a reincidência do hospital e também a mesma prática em outras unidades, Tavares afirmou que a Secretaria de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma) está convocando as direções dos hospitais para assisar um Termo de Ajuste de Conduta (TAC).


Fonte: Tribuna Hoje (adaptado)
Tribuna Hoje - RSS

Publicado em 22/02/2016.


webTexto é um sistema online da Calepino
Marcos Criação